Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Diretor Michael Bay veio ao Brasil lançar "Transformers: A Era da Extinção"
Diretor Michael Bay veio ao Brasil lançar "Transformers: A Era da Extinção"
Diretor da saga de robôs gigantes veio ao Brasil para lançar "A Era da Extinção".

Os robôs gigantes de "Transformers" deixaram seu rastro de destruição na China com "A Era da Extinção", quarto filme da série que estreou nesta quinta-feira (17). Segundo o diretor Michael Bay, o Brasil também teria potencial para servir de cenário das batalhas campais já conhecidas pelos fãs da franquia.

"Nova York já foi destruída diversas vezes, Paris também, pensei até em 'explodir' o Rio. Mas sempre gostei de Hong Kong", disse o cineasta durante entrevista coletiva, na Cidade Maravilhosa, para divulgar o filme – ao lado dos atores Nicola Peltz e Jack Reynor e do produtor Lorenzo di Bonaventura. "O lugar tem que ser especial, claro, mas tem que ter a ver com a história", acrescentou.

Apoio do governo

Questionado sobre a possibilidade de realmente gravar um novo "Transformers" em terras brasileiras, Bonaventura deixou escapar que o apoio da China fez diferença: "Temos que ter um suporte do governo. Nós vamos para cidades que se envolvem e fazem o processo de filmagem ficar mais fácil. Os chineses ajudaram bastante", explicou. "É uma relação de uma mão lava a outra", admitiu.

Michael Bay, os atores Nicola Peltz e Jack Reynor, e o produtor Lorenzo di Bonaventura durante coletiva de "Transformers: A Era da Extinção"
Michael Bay, os atores Nicola Peltz e Jack Reynor, e o produtor Lorenzo di Bonaventura durante coletiva de "Transformers: A Era da Extinção"

Opinião do público

Muito simpático, Bay foi firme ao ser perguntado sobre o que achava dos críticos que dizem que ele está "matando o cinema" com os filmes da franquia. "Como disse um famoso produtor, os únicos que entendem alguma coisa são o público", disse. "Na minha visão, estou ajudando o cinema. Um filme que é visto por 100 milhões de pessoas, é porque ele diz algo a elas", completou, citando a bilheteria que bateu recordes nas primeiras sememas em cartaz nos Estados Unidos.

Bem humorado, o cineasta chegou até a comparar seus filmes com arte: "Perguntam se eu gostaria de fazer filmes de arte e eu respondi que já faço. Olhe a imagem desses robôs. Se eu contar quantas pessoas trabalharam para criar todos esses detalhes. Isso é resultado do esforço de centenas de artistas, ilustradores e animadores".

Estrelado por Mark Wahlberg, "Transformers: A Era da Extinção" é o quarto filme da franquia
Estrelado por Mark Wahlberg, "Transformers: A Era da Extinção" é o quarto filme da franquia

A trama

"Transformers 4: A Era da Extinção" se passa quatro anos depois do filme anterior, "O Lado Oculto da Lua", no qual o combate arrasou a cidade de Chicago e causou o fim da parceria entre humanos e robôs.

Os Autobots que sobraram, inclusive o líder Optimus Prime, passam a ser caçados por um grupo de operações secretas da CIA, em parceria com outros alienígenas e uma corporação que busca tecnologia para produzir seus próprios robôs.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema