Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Razões que justificam que games podem ser bons pra você
Razões que justificam que games podem ser bons pra você
Entenda como as pesquisam andam apontando cada vez mais pontos positivos para quem curte se divertir com videogames.

Muita gente aponta pro seu Xbox One e diz que aquilo é uma máquina do capeta que só te faz mal, mas a verdade é que os pesquisadores estão descobrindo que videogame traz beneficios, sim, e estão espalhando essas informações para o mundo. A mais recente foi de que jogar videogames pode te fazer ser uma pessoa mais sensível e apta a respeitar as leis.

Por isso, o Purebreak decidiu que era uma boa ler mais sobre o assunto e então reunimos 5 bons motivos para você continuar jogando e ainda se orgulhar muito disso.

Jogos melhoram habilidades motoras

Em julho desse ano, pesquisadores de saúde em Deakin University, na Austrália, perceberam que as habilidades motoras como chutar, segurar e lançar uma bola são melhores nas crianças que jogam videogame.

Outro estudo publicado nos EUA, pelo psicólogo Douglas Gentile e o cirurgião Dr. James Rosser, em 2007, confirmou que a habilidade de cirurgiões especializados em laparoscopia que jogam é melhor. Os cirurgiões nerds eram 27% mais rápidos e cometiam 37% menos erros.

Jogar alivia a dor

A American Pain Society apresentou um estudo, em 2010, afirmando que videogames e experiências de realidade virtual podem ser tão úteis quanto analgésicos em crianças e adultos. Recentemente, a Universidade de Keele, no Reino Unido também chegou a uma conclusão semelhante. Os voluntários que jogaram um game de tiro, como "Call of Duty", tiveram uma melhor tolerância à dor em comparação com participantes que jogaram um game de Golfe.

Games melhoram a visão

Em 2007, a Universidade de Rochester, Nova York, revelou que 30 horas jogando FPS pode melhorar sua resolução espacial que é a capacidade de ver claramente objetos pequenos e aglomerados. Em 2009, a universidade fez um novo estudo e descobriu que jogar games de ação pode fazer você ficar até 58% melhor em enxergar diferenças sutis.

Quem joga consegue tomar decisões mais rápido

A Universidade de Rochester continuou trabalhando e revelou novas descobertas em 2010 mesmo. Parece que gamers conseguem desempenhar multitarefas com mais facilidade e tendem a tomar decisões sempre baseadas em probabilidades. É o processo em que o cérebro estoca pequenos pedaços de informações visuais ou auditivas até que ele tenha dados suficientes para decidir o que parece mais certo, sem precisar refletir horas sobre o assunto.

Jogar aumenta seu cérebro

Em 2013, o Instituto Max Planck, em Berlim, descobriu que pelo menos 30 minutos de jogos por dia, durante um período de 2 meses, desencadeou aumentos significativos de matéria cinzenta em 3 regiões do cérebro que estão associadas a funções como a navegação espacial, a formação da memória, planejamento estratégico e habilidade motora das mãos.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema