Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Cá entre nós, não vai ser nada fácil ver dois dos nossos super-heróis preferidos se enfrentando!

A briga entre Steve Rogers (Chris Evans) e Tony Stark (Robert Downey Jr.), em "Capitão América 3: Guerra Civil", não promete dividir apenas a equipe dos Vingadores, mas o público também! Em entrevista às revistas Empire e Cineplex, o próprio intérprete do protagonista explica melhor esse conflito.

"Essa é a primeira vez em que Steve não sabe de que lado está ou qual é a resposta certa", diz Evans. "Esse conflito se espelha mais em coisas que lidamos no dia a dia, quando são apenas pontos de vistas diferentes. Não há certo e errado e é difícil pra ele entender qual é a atitude certa a ser tomada", continua.

"Você tem um cara como o Capitão, que cresceu com uma estrutura (é um soldado e gostava de hierarquia, gostava da cadeia de comando). Agora, de repente, você tem um cara que costumava amar o sistema que não tem mais certeza se deve confiar nisso. E um cara como Tony Stark, que costumava driblar o sistema e dançar o ritmo da própria vontade, e que, de repente, está pensando: 'Precisamos de alguma ordem'", acrescenta o ator.

Tá aí uma ótima explicação para o desentendimento dos super-heróis, né? "Capitão América 3: Guerra Civil" tem estreia agendada para 28 de abril e deve ser o último filme da trilogia estrelada por Chris Evans.

Capitão América: Guerra Civil
Sem Chris Evans, confira 6 atores que poderiam interpretar o Capitão América!
De "Capitão América": 5 razões para o Chris Evans ser o eterno herói!
Thor em "Capitão América: Guerra Civil"? Super-herói conta porque não participou do filme!
Depois de "Capitão América: Guerra Civil", Steve Rogers não será mais o Capitão América nos cinemas!
ver todas as notícias de Capitão América: Guerra Civil Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema