Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Jamie Dornan defende "Cinquenta Tons de Cinza"
Jamie Dornan defende "Cinquenta Tons de Cinza"
O protagonista do romance erótico respondeu às críticas à trama de E.L. James. O gato ainda declarou que o longa-metragem gira em torno de uma história de amor.

O filme "Cinquenta Tons de Cinza" nem chegou aos cinemas ainda e já tá dando o que falar. Jamie Dornan, protagonista da produção, soltou o verbo e defendeu o projeto de todas as acusações de machismo. O ator admitiu entender o pensamento das pessoas, mas declarou que, no mundo da BDSM (Bondage, Disciplina, Dominação, Submissão, Sadismo e Masoquismo), existem muito mais homens submissos do que mulheres.

"É algo muito maior do que imaginei. Em praticamente todas as cidades do mundo existem pessoas que querem apanhar com uma tábua cheia de pregos", revelou à Elle UK. Olha que o cara sabe do que tá falando, hein! Recentemente, Dornan revelou ter visitado clubes e calabouços de sexo pra pesquisa para o personagem.

"Vamos contar uma história de amor, tudo não pode se passar no Quarto Vermelho, isso não é um filme. Há muito mais coisas acontecendo do que isso", acrescentou o astro. "Cinquenta Tons de Cinza" ainda conta com Dakota Johnson no elenco principal e tem estreia agendada para 12 de fevereiro de 2015.

"Cinquenta Tons de Cinza" conta com Dakota Johnson e Jamie Dornan como protagonistas
"Cinquenta Tons de Cinza" conta com Dakota Johnson e Jamie Dornan como protagonistas
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema