Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

A franquia é protagonizada por Shailene Woodley e Theo James.

"A Série Divergente: Convergente", terceiro episódio da franquia criada por Veronica Roth, estreou nos cinemas em março de 2016 e decepcionou tanto os fãs da saga, quanto a crítica. Com um lucro de aproximadamente US$ 66 milhões, nem metade da arrecadação de seu antecessor "Insurgente", o longa-metragem pode ser considerado um fracasso dos estúdios da Lionsgate.

Durante uma conferência com acionistas, Jon Feltheimer, CEO da empresa, explica o fiasco da produção. "Talvez nós tenhamos apressado um pouco o terceiro filme, em vez de tomar o nosso tempo com ele", justifica o manda-chuva, segundo o The Wrap. Na mesma reunião, o cara ainda prevê uma franquia de até sete filmes para o novo "Power Rangers". Só declaração polêmica, né? Arrasou!

A próxima sequência da série, intitulada "Ascendente", chegou a sofrer um corte de "alguns milhões de dólares" no orçamento, graças ao péssimo desempenho de "Convergente". O projeto tem direção de Lee Toland Krieger e está agendado para estrear nas telonas em 8 de junho de 2017.

Convergente
De "Convergente": CEO da Lionsgate explica fracasso da sequência de "Divergente"
Filme "Convergente" tem baixa bilheteria e sequência "Ascendente" sofre corte no orçamento
Animação "Zootopia" fica na frente de "Convergente" e se mantém líder de bilheteria nos EUA!
De "Convergente": Shailene Woodley, Theo James e mais astros na première do filme em Nova York!
ver todas as notícias de Convergente Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema