Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Tá no espírito da Black Friday? Que tal colocar vários homens no carrinho. É estranho, mas é esse o conceito do site "Adote um Cara" que expõe homens como se fossem produtos de supermercado.

Está no espírito da Black Friday? Depois da polêmica do aplicativo Lulu, onde mulheres classificam homens com quem já se relacionaram, um novo site quer "vender" esses homens como se eles fossem produtos de supermercado.

A ação é inspirada em uma ideia francesa e o site é chamado por aqui de "Adote Um Cara". Mas diferente do Lulu, a página envolve as duas partes: enquanto a mulher se cadastra como "cliente", o homem se cadastra como "produto".

Ao colocar os homens nos carrinhos, as moças demonstram interesse, então o rapaz pode mandar uma mensagem para a interessada. O site funciona como uma rede social: é possível colocar descrições pessoais como altura, gostos musical e estilo, seção na qual é só escolher opções como "caipira", "funkeira" ou "periguete". A página já foi lançada também na Alemanha, Espanha, Itália e Polônia com sucesso.

Apesar de tudo, "Adote um Cara" tende a ser menos polêmico do que o app Lulu já que promove a interação entre homens e mulheres. O Lulu por outro lado apesar de ser divertido para um lado, pode reunir desafetos e gente que busca difamação ou vingança. O que você acha disso?

 

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema