Kung Jin é o primeiro personagem gay da história de "Mortal Kombat"
Durante conversa com outro lutador, kombatente assume ser homossexual no capítulo quatro do jogo.

Com as toneladas de novidades e kombatentes inéditos que NetherRealm Studios preparou para "Mortal Kombat X", a constatação sobre a orientação sexual de Kung Jin foi a mais inesperada. Nunca existiu qualquer referência à causa LGBT na franquia ao longo desses anos, portanto ele é o primeiro kombatente gay. E não tem nada de frouxo diante dos oponentes, viu?

O recém-lançado "Mortal Kombat X" está seguindo o exemplo da BioWare, que adora percorrer caminhos rumo à diversidade e fez sua parte no último "Dragon Age Inquisition". O jogo de luta tem um Dorian para chamar de seu que, neste caso, é um dos lutadores calouros: Kung Jin. Ele faz parte do grupo de monges Shaolin que lutam para manter o equilíbrio no Earthrealm e não dá nem um pingo de pinta.

Se não fosse pelo diálogo do capítulo 4 entre Raiden e Kung Jin, seguido pela confirmação de Dominic Cianciolo que é o diretor de cinemáticas da NetherRealm, talvez o mundo nunca fosse descobrir. É muito legal e digno de palmas ver a desenvolvedora tratar do assunto de uma forma tão natural, sem encaixar o lutador num estereótipo afeminado. Confira o trecho da conversa que fez a revelação no trailer acima.

NetherRealm Studios
Game "Injustice 2": Batman, Super-Homem, Flash e mais heróis aparecem no primeiro trailer do jogo!
De "Mortal Kombat X": pacote medieval é a nova expansão do jogo e será lançada no dia 1 de março!
De "Mortal Kombat X": versão completa será lançada mais barata que a básica aqui no Brasil!
De "Mortal Kombat X": Alien Xenomorph e Leatherface são confirmados na DLC Kombat Pack 2!
ver todas as notícias de NetherRealm Studios Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema