Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

O aparelho foi apresentado na conferência para desenvolvedores.

O "projeto Ara" está longe de ficar pronto, mas, mesmo assim, a Google decidiu demonstrar como o smartphone montável está ficando. O aparelho foi apresentado pelo chefe do programa, Paul Eremenko, nesta quinta-feira (26) na conferência I/O, em São Francisco, nos Estados Unidos.

Os desenvolvedores do celular montável estão investindo em novas tecnologias para conseguir finalizar o produto. Um exemplo desses avanços é uma bateria que deve deixar o aparelho ligado por mais tempo. Outra novidade é a estrutura do smartphone: ela é feita com uma impressora 3D que imprime 50 vezes mais rápido que modelos normais.

Para quem não conhece, a ideia do projeto é criar um smartphone modular com vários espaços que poderão ser preenchidos de acordo com a preferência do usuário: se você gosta de fotografia troque a câmera por uma melhor e acrescente um flash potente ao aparelho. Mas se você só usa para fazer ligações mude tudo por uma bateria mais potente fazendo ele funcionar por mais tempo.

Todos esses planos ainda são para o futuro. De acordo com Eremenko, o projeto não é tão simples de realizar: "Galera, fazer com que isso (Ara) funcione não vai ser fácil, mas juntos vamos conseguir fazer acontecer", afirmou.

Durante a apresentação o aparelho teve alguns problemas. Ele não conseguiu ligar corretamente, toda vez que reiniciavam o smartphone o sistema "congelava", porém Eremenko seguiu com a exposição, depois de um tempo o celular ligou corretamente e tudo foi resolvido.

Google
Vem entender o que é esse tal de Stadia, novo serviço da Google, e tudo que você pode fazer com ele
Novela "Tempo de Amar": Lucinda (Andreia Horta) arma barraco após ser abandonada por Inácio
Whindersson Nunes lidera lista do Google de mais influentes do Brasil
"Já Pesquisei no Google": hashtag toma conta do Twitter e ganha respostas hilárias! Confira
ver todas as notícias de Google Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema