Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Google conserta problema no navegador "Google Chrome" após 4 anos
Google conserta problema no navegador "Google Chrome" após 4 anos
O problema foi identificado em 2010 pela revista Forbes, mas só agora foi corrigido.

Após 4 anos, a Google finalmente decidiu solucionar o problema de consumo de bateria causado pelo navegador "Google Chrome". O software não dava descanso ao processador do computador e o forçava a ficar sempre ativo.

O problema foi identificado pelo colunista da revista Forbes, Ian Morris, em 2010. Ele explicou que o navegador da Google diminui o tempo de descanço do processador para um milésimo de segundo, enquanto o normal são 15 milésimos. Isso força com que ele o "acorde" a cada milissegundo, mesmo que o "Chrome" não esteja fazendo nada. Isso faz a bateria do laptop acabar rápido.

A Google sempre soube do "defeito"

O "Google Chrome" foi configurado para agir desta forma. Em uma postagem encontrada pelo site "Ars Technica", no fórum de desenvolvedores do navegador, foi descoberto que a Google realmente queria que o ele sobrecarregasse o processador. Isso porque o engenheiro Mike Belshe comentou que o software iria ser mais rápido funcionando desta forma.

Programas como Media Player, Quick Time e Flash também "acordam" o processador a cada milissegundo. A ideia na época era fazer com que o "Chrome" pegasse carona já que os eles estavam gastando a bateria do notebook de qualquer jeito. Porém hoje em dia tem que use o computador apenas com o navegador aberto, transformando a configuração em algo problemático.

Google
Vem entender o que é esse tal de Stadia, novo serviço da Google, e tudo que você pode fazer com ele
Novela "Tempo de Amar": Lucinda (Andreia Horta) arma barraco após ser abandonada por Inácio
Whindersson Nunes lidera lista do Google de mais influentes do Brasil
"Já Pesquisei no Google": hashtag toma conta do Twitter e ganha respostas hilárias! Confira
ver todas as notícias de Google Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema