Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Você sabe o que é masculinidade tóxica?
Você sabe o que é masculinidade tóxica?
Talvez seja novidade pra você, mas homens e mulheres são educados de formas diferentes. Pois é, enquanto as meninas aprendem a serem mais delicadas e cuidadosas, os homens são ensinados a ser mais duros e agressivos. Será que está tudo bem nisso? O Purebreak listou sete desses ensinamentos que são, na verdade, bem problemáticos. Quer entender mais? Então, vem com a gente.

Quando você escuta ou lê a palavra "masculinidade", o que vem na sua cabeça? O que é um homem másculo para você? Talvez o Jason Momoa, que irá interpretar o Aquaman nos cinemas? Provável. Afinal, os super-heróis representam um pouco dessa masculinidade que ensinam os meninos a ter desde criança. Se você é homem, com certeza já escutou a "verdade" sobre o que é ser um. Aquela velha história de que homem não pode chorar, precisa ser forte o tempo inteiro e não é amigo de mulher. Puxado, né? Isso tudo faz parte do machismo e acaba sendo bastante prejudicial às mulheres, que precisam lidar com homens agressivos.

Mas a verdade é que existe um termo chamado "masculinidade tóxica" para se referir aos danos que toda essa crianção causam aos próprios homens. Pois é, essa história de "não poder chorar" mexe bastante com as nossas crianças e contribuem para formar adultos bem problemáticos. Pensando nisso, o Purebreak listou 7 desses comportamentos ensinados aos meninos desde cedo e que são bem ruins.

1 - Homem não chora, tá?

Essa é a clássica, né? Quem nunca ouviu? Pois é, desde criança somos acostumados a ouvir essa frase. Não importa o motivo e nem a idade, isso sempre é dito. E é a partir disso tudo que a masculinidade tóxica começa. Nós somos "proibidos" de sentir e demonstrar qualquer tipo de vulnerabilidade. Bizarro, né? E como somos coagidos desde criança, crescemos homens que não sabem falar sobre seus sentimentos e nem expressar direito o que sentem.

2 - Fala que nem homem!

Ao mesmo tempo em que nos ensinam a não ser muito emotivos, nos mostram que todo homem precisa fala grosso e ter um certo tipo de comportamento agressivo. Afinal, homem de verdade não leva desaforo pra casa, né? Ensinam que precisamos bater, falar alto e mostrar sempre quem manda. É justamente por isso que homens estão sempre tentando resolver tudo na briga. Aliás, é por isso que muito homens também se sentem no direito de agirem assim com as suas esposas. Ou seja, é uma fatalidade.


3 - Tem sempre que estar afim, viu?

Bebês são sempre elogiados, né? Se forem do sexo masculino, então, um dos mais comuns é dizer que "vai crescer e se tornar um garanhão". Pode parecer algo inofensivo de se dizer a um bebê de 3 anos, mas isso é dito ao longo da vida inteira. Existe um certo tipo de preocupação com a vida sexual dos meninos. Precisa acontecer o quanto antes e como se isso não fosse o suficiente, é preciso ser, de fato, o garanhão. Pois é, o homem precisa estar sempre afim de ficar com outras mulheres. Além disso contribuir para objetificação das mulheres, já que elas se tornam um acessório, dificulta ainda mais o processo de ser assumir gay para outros homens. Afinal, não é porque é homem que vai gostar de mulher, né?


4 - Nada de possuir características consideradas "femininas"

Aliás, o quanto mais distante do "universo feminino", melhor. Pois é, a sociedade divide desde sempre o que é "coisa de menino" e "coisa de menina" e não dá pra um gostar de algo que seja do universo do outro. E além disso incluir coisas como, moda, também entram essas características mais emotivas, como chorar, dito anteriormente. A coisa é tão bizarra, que alguns homens nem tem peça de roupa na cor rosa. Bizarro, né?

5 - Ser carinhoso com outros homens? Nunca

Se alguns homens não são carinhosos nem com as mulheres, o que dirá com outros homens. Apesar de existir uma parceria grande entre homens, eles não costumam ser carinhosos uns com outros. É aquele velho lance de ser agressivo. Se você estiver lendo isso aqui e for homem, ficam as perguntas: quantas vezes você abraçou ou beijou seu pai no rosto? Já disse que o amava ou algo parecido? Já consolou um amigo que estava triste sem se
sentir desconfortável?


6 - Como assim você não gosta de futebol?

Esse é mais um exemplo de coisas que homens precisam gostar pra provar que são homens mesmo. Se você gosta de futebol, tudo bem. Mas precisamos concordar que existe uma forçação de barra para que a gente curta, né? E o pior de tudo é que ao menor sinal de que isso não te interessa tanto, você já é visto de outro jeito. No período escolar, por exemplo, isso pode até ser motivo de exclusão.


7 - Não existe amizade entre homem e mulher

Como os homens são ensinados a verem todas as mulheres como um objeto de desejo, muitos não conseguem construir outro tipo de relação que não seja baseada no desejo sexual. O que é um problema porque muitas vezes esses caras vão ser inconvenientes, forçar uma ficada e achar que as outras mulheres estão sempre dando em cima delas. Fala sério, né? Aliás, como as mulheres aprendem coisas totalmente diferentes desde crianças, aí sim que essa amizade deveria existir. Desse jeito homens conseguiriam ser um pouco mai sensíveis.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema