Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Ministério da Educação (MEC) libera balanço sobre o primeiro dia de inscrições do ProUni, que oferece 191.625 bolsas em 1.116 instituições privadas de ensino superior. São 131.636 bolsas integrais e 59.989 parciais. Confira como participar.

O Ministério da Educação (MEC) liberou o balanço parcial do 1º dia de inscrições do Programa Universidade para Todos (ProUni) de 2014. Até às 20h de segunda-feira (13), dia que foi dado início ao processo, 423.163 candidatos já haviam se cadastrados no site oficial do programa. Os estudantes terão até às 23h59 do dia 17 de janeiro de 2014 para tentar uma vaga no projeto. Vale lembrar que cada participante pode fazer até duas inscrições.

Para 2014, o ProUni oferece 131.636 bolsas integrais e 59.989 parciais, em 25,9 mil cursos, nas instituições de ensino superior privadas cadastradas no sistema. O programa terá duas chamadas on-line. O resultado da primeira será divulgado no dia 20 de janeiro; e o da segunda, em 3 de fevereiro.

Os cursos com o maior número de bolsas ofertadas são os de administração (21.252), pedagogia (14.773) e direito (13.794), quadro parecido com o dos cursos mais disputados do Sisu 2024. Mais da metade das bolsas disponíveis está em São Paulo. Este ano, serão 1.116 instituições participantes em 991 municípios.

Como se inscrever

Para se candidatar a uma vaga no ProUni 2014, o estudante deve ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 e obtido no mínimo 450 pontos na média das notas e não ter zerado a prova de redação. No momento da inscrição, será necessário informar o número de inscrição e a senha usados no Enem e o Cadastro de Pessoa Física (CPF). O candidato não pode ter diploma de curso superior.

Além disso, o candidato que requisitar a vaga para bolsa integral terá que comprovar renda familiar por pessoa de até um salário mínimo e meio. Para as bolsas parciais, a renda familiar deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema