Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Estrela da saga "Divergente" estampa a capa da edição de abril da revista Nylon e revela o que pensa sobre empoderamento feminino.

O feminismo é um dos tópicos mais atuais na sociedade. Ídolos teen como Miley Cyrus e Charli XCX são mega engajadas na causa. Emma Watson, inclusive, é militante e embaixadora da ONU Mulheres. Agora, outra estrela resolveu falar o que pensa sobre o empoderamento feminino. Com a palavra, Shailene Woodley!

Caprichando nas poses, Shailene é a capa da edição de abril da revista americana Nylon. Na entrevista, a Tris de "Divergente" explica seu ponto de vista sobre o feminismo. "A razão pela qual eu não gosto de dizer se sou ou não uma feminista é porque ainda é um rótulo. Não quero ser definida por apenas uma coisa. Por que nós temos que ter este rótulo nos dividindo?", opina, deixando a pergunta no ar.

Shailene, indicada a Melhor Atriz no MTV Movie Awards 2015, continua dizendo porque não gosta de se definir como militante do feminismo. "Todos nós deveríamos abraçar uns aos outros, independente de nossas crenças ou rótulos que colocamos em nós mesmos", dispara a californiana, que também tem uma opinião polêmica sobre nudez nas telonas. E aí, você concorda com a atriz?

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema