Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Figurinos alegres, cores marcantes e repletos de tendência foram as apostas da estilista Mel Akerman ao vestir os personages do filme 'Carnaval', novo sucesso da Netflix. A responsável pela moda de Giovana Cordeiro, Micael Borges, Gkay e mais estrelas do elenco conversou com o Purebreak e revelou algumas curiosidades sobre os looks e que podem te inspirar

"Carnaval" chegou à Netflix trazendo as questões sociais de uma forma muito latente e isso não podemos negar. Mas se teve algo que também chamou atenção e repercutiu bastante foram as roupas descoladas e repletas de tendências usadas pelas protagonistas Giovana Cordeiro, Gkay, Bruna Inocencio e Samya Pascotto. O Purebreak conversou com a responsável pelo figurino, Mel Akerman, que revelou curiosidades preciosas sobre a moda do filme e que podem te inspirar. Acompanhe!

1- Roupas expressam personalidade

Para "Carnaval", a estilista teve o desafio de conseguir expressar a personalidade de cada uma das personagens através de suas roupas.

"O figurino é voltado para a personalidade dos personagens. Na parte inicial, nós lemos o roteiro, trocamos com o diretor e fazemos a prova. Porém, quando entram as atrizes, a gente começa a unir, muitas das vezes, coisas que elas têm a contribuir. A partir daí, vamos adaptando e unindo o que imaginamos antes para que elas fiquem felizes. O figurino as ajudam a entrar no personagem", conta.

2 - Moda brasileira é referência

Uma das preocupações de Mel Akerman era manter a moda brasileira como a principal referência dos looks dos personagens.

"Eu pesquisei muito fantasias do Carnaval daqui e eventos que tem fantasia envolvida lá de fora. Pesquisamos material também. Eu queria usar o máximo de marcas nacionais, queria mostrar o tínhamos de melhor e de lindo no Brasil. A nossa moda é linda, nossas estampas são as mais lindas do mundo", exalta.

3 - Pitacos nas escolhas dos looks? Pode!

A responsável pelo figurino entrega outra curiosidade dos bastidores de "Carnaval": tanto Giovana Cordeiro, quanto Gkay, Bruna Inocencio e Samya Pascotto deram pitacos em seus looks. "Todas deram", destaca Mel.

"É muito importante que elas se sintam bem. Eu lembro que, em uma das cenas, a Samya falou: 'Mel, queria usar um cubo mágico na cabeça'. Fomos pro maquiador e, a partir do desejo dela, pegamos elementos que já tínhamos e fomos formando. A Flavia Pavanelli foi uma das que mais trouxe coisas. Estava procurando uma saída dourada e ela falou: 'Acabei de comprar, vou trazer pra você'. A Gkay também estava superopinando e vamos construindo juntos, conforme elas vão se sentindo bem", acrescenta.

4 - Os looks frescos continuarão em alta

Quem ama moda já identificou diversas tendências nas roupas das personagens e que fizeram o maior sucesso no verão 20/21. O longa foi gravado em 2019 e a estilista acredita que muito do que foi visto por "Carnaval" continuará em alta.

"Os looks são muito atuais e muito 'vamos usar'. O shortinho de crochê e os maiôs vão seguir", aposta. "Acho que estampa nunca sai de moda, os vestidos longos, essa coisa mais fresca. O filme é muito real e acho difícil ter uma roupa que alguém vai dizer: 'não usaria, isso é inventado'", afirma.

5 - Se jogue na moda masculina mais vibrante

As estampas e tons vibrantes apareceram com força total nas roupas dos personagens de Micael Borges e Jean Pedro, intérprete de Salvador.

"Com o Micael, usei uma marca de São Paulo que veste muitos cantores, artistas, mas também fiz muita coisa pra ele, colete, calça, me diverti porque ele permitiu isso. Foi muito legal pensar nos homens e essa conexão. Os rapazes já estão nesse caminho, mas o filme estimula", aposta Mel Akerman.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema