Rahabe Barros Redatora
Libriana, boa de papo e apaixonada por reality show. Louca por gatos, não vivo sem café e com planos de dar uma volta ao mundo são outras curiosidades ao meu respeito. Após 10 anos, sigo encantada pelo jornalismo e por essa evolução diária da comunicação
Atriz de "iCarly" revela suborno da Nickelodeon de US $ 300 mil para não expor abuso
8 Fotos
Veja as fotos!
Estrela de "iCarly", Jennette McCurdy afirma em seu livro de memórias, o "I'm Glad My Mom Died", que a Nickelodeon lhe ofereceu US $ 300.000 para ficar quieta por suposto abuso. De acordo com a atriz, a empresa teria oferecido um "dinheiro secreto" para que ela não fosse a público contar o que enfrentou nas mãos de "The Creator", pessoa que ela não revela a identidade. Saiba mais!

O novo livro de memórias de Jennette McCurdy , o "I'm Glad My Mom Died", inclui uma revelação de que a Nickelodeon teria oferecido para a atriz US $ 300.000 - atualmente R$ 1,5 milhão na cotação atual - em "dinheiro secreto" para que a atriz de "iCarly" não fosse a público expor suposto abuso que enfrentou nas mãos de "The Creator".

Atriz expõe abuso em trecho de livro. Veja!

Um trecho do livro, incluindo esta alegação, foi publicado pela Vanity Fair, mas Jennette McCurdy não menciona o suposto agressor pelo nome, preferindo se referir a ele apenas como "O Criador". De acordo com a artista internacional, ele a encorajou a beber álcool quando ela tinha apenas 18 anos e também massageou seus ombros de maneira inadequada.

No livro de memórias, Jennette escreve: "Meus ombros têm muitos nós, mas não quero que o Criador seja quem os apague. Eu quero dizer alguma coisa, dizer a ele para parar, mas estou com tanto medo de ofendê-lo".

Jennette McCurdy revela US$ 300.000 após show cancelado

Em 2007, McCurdy estrelou a série original de "iCarly" na Nickelodeon antes de obter sua própria série de spin-off, a "Sam & Cat". A atriz escreveu também sobre o dia em que descobriu que seu show estava sendo cancelado.

Um agente disse para ela que estavam a oferecendo uma grande quantia em dinheiro e que ela deveria "pensar nisso como um presente de agradecimento". "Eles estão te dando US$ 300.000 e a única coisa que eles querem que você faça é nunca falar publicamente sobre sua experiência na Nickelodeon", disse um de seus gerentes à ela. McCurdy escreve que seu empresário estava falando sobre experiências "especificamente relacionadas ao Criador".

Atriz rejeitou oferta: "Isso me parece dinheiro secreto"

McCurdy rejeitou a oferta, embora sua equipe tenha dito que era "dinheiro grátis". Ela respondeu: "Não, não é. Isso não é dinheiro grátis. Isso me parece como um dinheiro secreto... eu não estou aceitando um dinheiro secreto".

"Que porr* é essa? A Nickelodeon está me oferecendo $ 300.000 em dinheiro para não falar publicamente sobre minha experiência no programa? Minha experiência pessoal do abuso do Criador? Esta é uma rede com shows feitos para crianças", escreve McCurdy. "Eles não deveriam ter algum tipo de bússola moral? Eles não deveriam pelo menos tentar se reportar a algum tipo de padrão ético?", continua, acrescentando com suas palavras:

"Eu me inclino contra a cabeceira da minha cama e cruzo as pernas na minha frente. Estendo meus braços atrás da cabeça e os descanso ali em um gesto de orgulho. Quem mais teria a força moral? Acabei de recusar US$ 300.000".

O livro de memórias de McCurdy "I'm Glad My Mom Died" será lançado em 9 de agosto.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema