Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

"Para Todos os Garotos que Já Amei" é um sucesso e nós não podemos negar. Além da maravilhosa história, a produção da Netflix também foi responsável por colocar Noah Centineo e Lana Condor no radar de Hollywood. Porém, apesar da popularidade, os atores - aparentemente - não tiveram as mesmas oportunidades de trabalho.

Goste ou não, é impossível negar o sucesso que "Para Todos os Garotos que Já Amei" fez. Aliás, fazia tempo que uma comédia romântica não bombava tanto, né? Com isso, além de confirmarem a continuação do filme - que ainda deve ganhar uma terceira -, Noah Centineo e Lana Condor, protagonistas da história, ficaram muito famosos. Porém, um tweet que viralizou recentemente levantou uma questão que precisa ser debatida: por que a carreira de Noah estourou e a de Lana não teve o mesmo impacto?

Depois de "Para Todos os Garotos que Já Amei", Noah Centineo foi protagonista de mais duas produções da Netflix: "Sierra Burgess Is a Loser" e "O Date Perfeito", em que interpreta, basicamente, o mesmo personagem (risos). Além disso, o ator também estará no reboot de "As Panteras", que deve ser lançado ainda neste ano. Isso sem falar no apelo publicitário, né? O rapaz já foi garoto propaganda da Calvin Klein e isso não é pouca coisa. Ou seja, o negócio deu bastante certo para Centineo. Contudo, será que está funcionando do mesmo jeito para Lana Condor?

Após estrelar a produção da Netflix, a atriz participou de dois filmes em que tiveram pouco destaque "Alita: Battle Angel" e "Summer Night" - e esse último é algo bem "lado b". Além disso, ela também foi a protagonista de "Deadly Class", uma série de ação do canal SyFy que foi cancelada ainda na primeira temporada e contou com apenas 10 episódios. Bom, já deu pra notar uma pequena desigualdade aí, né?

Antes de mais nada, é um fato que "mocinhos" são mais vendáveis para indústria. Antes de Noah Centineo tivemos Zac Efron, Robert Pattinson e por aí vai. Além disso, também não podemos afirmar que Lana não teve outras propostas ou se precisou negá-las por falta de tempo. Porém, se dermos uma olhada no cenário atual, quantos filmes trazem atrizes de origem asiática em papéis de destaque? Será que dá pra contar?

Apesar dessa não ser uma questão muito discutida aqui no Brasil, pessoas de origem asiática não são brancas e, assim como a população negra, não são muito representadas na mídia. Inclusive, a autora de "Para Todos os Garotos que Já Amei", Jenny Han, publicou um texto para o The New York Times, em 2018, sobre a dificuldade de fechar um acordo com um estúdio que topasse escalar uma atriz não-branca para o papel de Lara Jean. "Eu decidi trabalhar com a única produtora que concordou em escalar uma atriz asiática para a personagem principal. Ninguém mais estava disposto a fazer isso. Mas, mesmo assim, até o início das gravações eu fiquei esperando, com medo deles mudarem de ideia", escreveu.

Acho que está um pouco óbvio que, apesar de estarmos em 2019, há muitos estúdios que não têm o interesse em produzir filmes ou séries com mais diversidade, né?

Para Todos os Garotos que já Amei
Lana Condor se despede de Lara Jean após fim das gravações de "Para Todos os Garotos que Já Amei 3"
Este teste vai dizer qual livro de romance mais combina com o seu signo
Veja fotos dos bastidores de "Para Todos os Garotos que já Amei 2" e fique ainda mais ansioso
Já sabemos a data de "Para Todos os Garotos que já Amei 2" e já tem sequência sendo gravada!
ver todas as notícias de Para Todos os Garotos que já Amei Ver + matérias
Famosos
do momento
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema