Rahabe Barros Redatora
Libriana, boa de papo e apaixonada por reality show. Louca por gatos, não vivo sem café e com planos de dar uma volta ao mundo são outras curiosidades ao meu respeito. Após 10 anos, sigo encantada pelo jornalismo e por essa evolução diária da comunicação
9 Fotos
Veja as fotos!
Bruna Marquezine contou como foi seu primeiro dia no set de "Besouro Azul" em entrevista à Marie Claire. De acordo com a atriz, ela estava insegura ao encenar como Jenny nos estúdios em Atlanta, nos Estados Unidos. Além disso, a artista entregou qual foi sua reação ao ganhar um "oi" Susan Sarandon, escalada para viver a vilã Victoria Kord no filme. Acompanhe!

Bruna Marquezine falou pela primeira vez a respeito das gravações de "Besouro Azul", sua estreia em um filme da DC Comics. Em entrevista à Marie Clarie, a atriz, que é par romântico do super-herói, admitiu insegurança em seu primeiro dia pelo set em Atlanta, cidade dos Estados Unidos por onde vai morar pelos próximos meses.

"No primeiro dia no estúdio eu estava agitada, nervosa. O Angel [Manuel Soto, diretor] é um cara que me faz me sentir muito em casa, sempre foi extremamente gentil e doce comigo, e me tranquilizou. Não vejo o menor problema de falar como me sinto, falar das minhas emoções e inseguranças. Acho que a gente não ganha nada tentando fingir estar forte e bem o tempo inteiro", comentou.

Bruna Marquezine chorou após "oi" de Susan Sarandon

Depois de muitas especulações de que Sharon Stone estaria no elenco de "Besouro Azul", foi confirmado que a atriz Susan Sarandon foi escalada para viver a vilã Victoria Kord. Bruna Marquezine disse que precisou conter a emoção e que fingiu costume ao conhecer a vencedora do Oscar de 1996. "Eu estava gravando e ela foi me dar oi. Fingi costume total, mas quando ela saiu fui para o meu trailer, e chorei", confessou.

Além disso, a carioca avaliou sua primeira superprodução nos cinemas: "É uma ficha que vai caindo aos poucos. Não gosto de ser blasé, mas esse é sem dúvida um grande momento para mim".

Atriz sofreu com notícias distorcidas de sua vida íntima

Ainda em entrevista, Bruna Marquezine desabafou a respeito da fase em que se tornou sua pior hater. A atriz acredita que esse auto-ataque aconteceu aos 17 anos, quando ganhou destaque por viver a sensual Lurdinha em "Salve Jorge". Na mesma época, ela também assumiu namoro com Neymar e, por conta disso, as pessoas substituíram o interesse de sua carreira pela vida amorosa.

"Ali eu pensei em desistir de tudo. Se para atuar tivesse que conviver e lidar diariamente com distorções, notícias que não eram verdadeiras sobre mim, talvez não valesse a pena seguir. Na adolescência tudo tem um peso três vezes maior. Você quer pertencer a um grupo, e quando acorda e tem alguma mentira sobre você, dói muito, porque você está tentando se encontrar e é como se alguém não estivesse permitindo", afirmou.

A partir daí, Bruna Marquezine decidiu criar uma estratégia: responder apenas o necessário, evitar os jornalistas e viver a vida mais low profile possível.

"Tinha raiva da imprensa, não tenho o menor problema de falar isso hoje. Não conseguia ver nada de positivo", admite. "Me fechei para muitas pessoas, para muitos novos relacionamentos. A imagem que pintavam de mim tirava a minha paz de um jeito, que decidi que era melhor endurecer do que chorar na minha cama no dia seguinte", completou.

Bruna Marquezine
Bruna Marquezine revela qual é o maior sonho de sua carreira
Bruna Marquezine: aos 27 anos, veja sua evolução de looks
Bruna Marquezine traz Xolo Maridueña, de "Besouro Azul", para o Brasil. Veja!
Bruna Marquezine, "Besouro Azul": vaza 1ª foto da atriz como Jenny
ver todas as notícias de Bruna Marquezine Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema