Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

O ARMY esperou muito e finalmente veio aí. O BTS apresentou seu show virtual, "Permission to Dance on Stage", no último domingo (24) e conseguiu surpreender o fandom, que já estava com altas expectativas. Novas transições e conceitos marcaram a apresentação assistida em mais de 190 países. Veja os 7 melhores momentos do show do BTS!

Fãs do BTS ainda estão em êxtase com tudo o que rolou no "Permission to Dance on Stage", show virtual do grupo de K-pop que aconteceu no último domingo (24), no Estádio Olímpico de Jamsil, em Seul. O cenário já foi palco de outras apresentações do BTS, como o próprio SOWOOZOO Muster em junho deste ano, e não decepcionou durante o show mais recente.

De acordo com o pronunciamento da Big Hit Music, publicado pelo Korea JoongAng Daily nesta segunda-feira (25), o "Permission to Dance on Stage" foi assistido em mais de 197 países. O show marca o início de uma nova era para o BTS, que já tem suas primeiras apresentações desde o início da pandemia marcadas para novembro e dezembro nos Estados Unidos.

Confira a seguir os 7 melhores momentos do "Permission to Dance on Stage" e vem com a gente sonhar com o dia em que o grupo coreano vai voltar para os palcos brasileiros!

BTS: "On" foi a faixa de abertura do "Permission to Dance On Stage"
BTS: "On" foi a faixa de abertura do "Permission to Dance On Stage"

1. BTS fez melhor abertura para show

O BTS estava muito animado para apresentar "ON", faixa do álbum "Map of the Soul: 7", durante a turnê que foi cancelada devido à pandemia. Portanto, começar o "Permission to Dance on Stage" com a música animada, dançante e bem poderosa já foi um recado para os fãs se prepararem para tudo o que estava por vir. Já no primeiro contato do grupo com o ARMY, que assistia pela internet, os fãs repararam no visual mais ousado do BTS, com correntes e tatuagens falsas.

2. Fãs elogiaram esforço de V

Algumas horas antes do show virtual, o perfil do BTS anunciou uma pequena mudança. Kim Taehyung se machucou durante os ensaios e iria precisar ficar sentado durante parte da apresentação e não poderia fazer os números de dança. "Sem saber, meu joelho começou a doer. Eu realmente não queria que isso acontecesse no dia do show, mas estou aqui, com vergonha, sentado e olhando eles dançarem", afirmou V durante o "Permission to Dance on Stage".

O idol também aproveitou para dizer ao ARMY não se preocupar, que já já ele estaria 100%. Em alguns momentos de dança, em que V não pode participar, era visível a chateação de Taehyung, por isso, ARMY levantou algumas hashtags para agradecer a dedicação do artista.

3. O septeto ficou unido durante todo o show

Outra coisa bem legal que não estamos acostumades a ver durante todos os shows é que o "Permission to Dance on Stage" não teve partes solos, com todos os sete integrantes presentes no palco o tempo todo. J-Hope e V falaram do desafio, já que foi a primeira tentativa do tipo que o grupo fazia. Porém, com certeza, a iniciativa rendeu vários momentos especiais, com ainda mais interações entre os meninos e, claro, uma plateia personalizada cada vez que tocava uma faixa que não tinha a participação de todos os membros.

BTS: o septeto ficou o tempo todo no palco em "Permission to Dance On Stage"
BTS: o septeto ficou o tempo todo no palco em "Permission to Dance On Stage"

4. Apresentação de "Black Swan" com dançarinos

Avisa que é ela! Mais uma vez provando ser uma das faixas mais poderosas do BTS, "Black Swan" ganhou muitos elogios do ARMY. O grupo entregou tudo na coreografia, que contou com vários dançarinos no palco. Além disso, as roupas pretas dos integrantes combinaram com as penas que caíam sobre o cenário, contrastando com as asas brancas dos outros artistas que dançavam lindamente. O resultado ficou de arrepiar! Confira uma parte de "Black Swan":

5. "Dynamite" ganhou versão especial

Um dos maiores hits recentes do BTS, "Dynamite", ganhou uma repaginada incrível durante o "Permission to Dance On Stage". A faixa contou com uma parte instrumental ainda mais forte, com presença de uma banda especializada e ainda teve adição de backing vocal, com estudantes de Centro Comunitário de Artes Fernando Pullum. Além disso, teve um dance break especial em "Dynamite" que se tornou a transição perfeita para a próxima música, "Butter" - outro sucesso inegável.

6. Transições diferentes entre hits

Falando em transições entre faixas, esse foi um tópico que por si só chamou muita atenção do ARMY e aumentou a saudade de ver apresentações ao vivo do septeto. Além da já citada mudança de "Dynamite" para "Butter", um trio que foi bem elogiado foi a sequência de "Black Swan" para "Blood Sweat and Tears" indo direto para "Fake Love". Só o fato de "Blood Sweat and Tears" ter entrado na setlist já é incrível, mas o arranjo e a forma como as músicas foram colocadas tornou tudo ainda mais especial.

7. Mensagem especial para o ARMY

Para finalizar o "Permission to Dance on Stage" com chave de ouro, cada um dos integrantes do BTS deu discurso emocionado para o fandom, que assistia virtualmente. Jungkook afirmou que quase chorou em determinado momento, olhando o estádio vazio, e J-Hope, como sempre, deu um ar de esperança: "Obrigado por estarem conosco. As coisas estão melhorando e como diz a letra de 'Spring Day', nós vamos nos encontrar. Espere por nós", disse o idol.

Jimin emocionou de vez o ARMY brasileiro, citando nosso país em discurso que prometia viajar para outras nações, assim que for possível. "Voaremos direto para o outro lado do globo, Brasil ou qualquer lugar que seja, se tivermos a oportunidade. Então, gente, por favor, esperem mais um pouco", disse o idol. É claro que a gente espera, né?

BTS
10 melhores momentos dos shows do BTS na Permission to Dance on Stage
Saiba tudo sobre a música de V, do BTS, para novo K-drama
"Round 6" é ARMY! Veja quem do elenco é fã de BTS
6 motivos para provar que o BTS dominou o AMAs
ver todas as notícias de BTS Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema