Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

O Purebreak, junto com a UNISINOS, montou um guia das profissões que estão em alta no momento no Brasil e no mundo. Além disso, conversamos com o professor Sandro Rigo, Doutor em Ciência da Computação, sobre o que um jovem precisa ter em mente ao escolher uma carreira e como acontecem as mudanças no mercado de trabalho.

Seja pra quem vai fazer vestibular ou pra quem acabou de se formar, uma dúvida sempre surge na cabeça das pessoas: qual caminho da carreira seguir? A gente precisa ficar ligado nas tendências do mercado e quais áreas estão em ascensão para investirmos nisso no momento de decisão. Mas não se desespere, mesmo que você não tenha aptidão pra uma carreira específica, existem milhares de opções que podem te trazer o retorno esperado e que tenha a ver com o que você gosta. Até porque trabalhar é ótimo, mas trabalhar com o que amamos é melhor ainda.

Pensando nisso e querendo dar aquele help na escolha de todos vocês, a UNISINOS pediu para nós, do Purebreak, montarmos um guia com carreiras que vão ser tendência nos próximos anos, tanto para o mercado, quanto para as necessidades do mundo. Juntamos dez delas por aqui e ainda trouxemos o professor Sandro José Rigo, que é Doutor em Ciência da Computação e tem a Inteligência Artificial como linha de pesquisa, para fazer uma breve análise das profissões em alta e aconselhar quem está se inserindo no mercado agora: "Eu diria que ao escolher uma carreira o jovem deve prestar atenção aos seus objetivos pessoais, pois isso garante que ele direcione a sua energia e atenção para um contexto que lhe será adequado e motivador. Além disso, deve estar sempre aberto para avaliar mudanças e ajustes, pois a sociedade futura terá a mudança como uma constante". Veja a lista:

1. Gestor de Mídias Sociais

Segundo pesquisa divulgada pelo LinkedIn, a demanda para esse profissional cresceu 122% anualmente entre 2015 e 2019. São necessários conhecimentos em Marketing digital, redes sociais, Adobe Photoshop, Adobe Illustrator e marketing.

A UNISINOS oferece este curso na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

2. DPO (Data Protection Officer)

De acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados, o DPO é responsável por administrar e avaliar todos os dados da empresa, desde a coleta até o tratamento das informações, assim como se comunicar com o órgão que regulariza a fiscalização de dados. Você precisa sacar de governança de tecnologia, segurança da informação e cibersegurança.

A UNISINOS oferece curso da área na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

3. Coordenador de Treinamento e Desenvolvimento/Recrutamento e Seleção

Essa profissão é direcionada a quem tem aptidão para a área de Recursos Humanos. Precisa ter um perfil estratégico, que atua focando em negócios e resultados.

A UNISINOS oferece curso da área na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

4. Engenheiro de segurança do trabalho

Esse nome é autoexplicativo, né? O profissional é o encarregado de manter e promover a cultura de segurança no ambiente de trabalho.

A UNISINOS oferece este curso na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

5. Gerente de Planejamento Financeiro

Para esta área, você precisa ter competências como: orientação para resultados, técnicas de persuasão, visão estratégica, boa comunicação, dinamismo e fluência em inglês. É necessária a formação em Administração ou Ciências Contábeis antes de se especializar nesse nicho específico.

A UNISINOS oferece curso da área na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

6. Analista de Marketing/Marketing Digital

O mercado dessa área pede que você tenha habilidades como orientação para resultados, capacidade de análise de clientes, sacar de inovações tecnológicas e ter um perfil bem analítico para avaliar métricas e resultados. Esse profissional articula uma estratégia para que o produto tenha êxito: desde sua concepção até o lançamento.

A UNISINOS oferece este curso na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

7. Engenheiro de software

Essa profissão é responsável pelo desenvolvimento e arquitetura de software, web e mobile. O que fazem? O desenvolvimento de aplicações web (back-end ou front-end) e móvel (Android ou IOS), utilizando diversas linguagens de programação, frameworks e banco de dados. Na maioria das vezes, também se encarregam do desenho da arquitetura e da definição das tecnologias a serem empregadas.

A UNISINOS oferece este curso na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

8. Advogado Júnior Empresarial

O foco é saber de negócios e ir em busca de resultados positivos para a empresa.

A UNISINOS oferece este curso na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

9. Cientista de dados

Para simplificar, esse profissional analisa o que os dados estão contando, quais segredos eles escondem, a quais conclusões podemos chegar e quais caminhos seguir após analisá-los. É preciso saber sobre finanças, matemática e data science. Conhecimentos legais são uma vantagem.

A UNISINOS oferece curso da área na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

10. Recrutador especialista em Tecnologia da Informação

Essa profissão tem um crescimento médio anual de 56% e a pessoa especializada precisa saber sobre pesquisa, técnicas de recrutamento, TI e serviços.

A UNISINOS oferece este curso na universidade e você pode saber mais sobre ele aqui.

Mas se você já está em uma graduação e não viu a carreira que escolheu por aqui, não se preocupe, essa lista nunca é definitiva e está sempre se modificando de acordo com as tendências em alta no mundo. "A valorização das profissões se dá por diversos motivos. É importante observar este aspecto. Desta forma, atualmente algumas áreas ligadas ao aumento expressivo das tecnologias de comunicação e informação, junto com a ampliação do uso de Inteligência Artificial, estão em expansão. As profissões ligadas às indústrias de semicondutores, comunicação e computação são amplamente demandadas. (...) Em uma sociedade complexa e multifacetada, as mudanças constantes, que impulsionam o surgimento de profissões promissoras, não estão restritas apenas aos aspectos tecnológicos. Este é o cenário observado em campos como Psicologia, Saúde e Meio Ambiente, para citar alguns exemplos", analisa o Professor Sergio sobre as transformações existentes no mercado de trabalho.

Nessa matéria, utilizamos as pesquisas das empresas LinkedIn, PageGroup, Center for the Future of Work e Robert Half como fontes.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema