9 Fotos
Veja as fotos!
Taylor Swift lançou nesta sexta-feira (12) a sua própria versão do álbum "Red", lançado originalmente em 2012. Com isso, finalmente podemos ouvir a versão estendida, com mais de 10 minutos, de uma das maiores músicas da carreira de Swift, "All Too Well", em que ela entrega tudo sobre o relacionamento com Jake Gyllenhaal. Veja 7 indiretas que você pode ter deixado passar na nova versão!

Não tínhamos dúvidas que "All Too Well", uma das músicas mais famosas de Taylor Swift, era para seu ex-namorado, Jake Gyllenhaal. A menção ao cachecol, à casa da cunhada e à estação na qual o casal se conheceu - outono - deixou isso claro desde que a faixa foi lançada lá em 2012. Porém, o fandom já sabia que a música originalmente tinha 10 minutos, que Taylor condensou para caber no álbum de uma forma mais estratégica, e sempre teve curiosidade para saber a letra completa.

E depois de 9 anos, Taylor Swift relançou o "Red" nesta sexta-feira (12) e podemos conferir finalmente a versão pré-cortes, chamada de "All Too Well (10 Minute Version)". Inclusive, a música vai ganhar curta, dirigido pela própria Taylor e estrelado por Dylan O'Brien e Sadie Sink, de "Stranger Things".

Com certeza a produção vai ter vários eastereggs, mas só a letra da música já manda várias indiretas para Jake Gyllenhaal. Caso você tenha deixado alguma passar, não se preocupe, porque o Purebreak separou as 7 mais importantes!

Versão estendida de "All Too Well" dá mais detalhes do namoro de Taylor Swift e Jake Gyllenhaal
Versão estendida de "All Too Well" dá mais detalhes do namoro de Taylor Swift e Jake Gyllenhaal

1. Jake Gyllenhaal é feminista

Em uma das partes mais marcantes da nova versão de "All Too Well", que contém um palavrão e faz com que a música seja considerada "explícita" no Spotify, Taylor canta: "Você me jogou as chaves do carro, f*da-se o patriarcado", mostrando que o rapaz adota uns princípios do feminismo, apesar de ter sido bem tóxico com a namorada.

E Jake Gyllenhaal não esconde que é um grande apoiador do movimento. Em entrevista para o InStyle em 2017, o ator disse que cresceu com mulheres extraordinárias, o que justifica seu posicionamento: "Eu literalmente não estaria aqui sem elas", afirmou na época.

2. A diferença de idade

Uma grande questão na época era a diferença de idade entre os dois. Enquanto Taylor tinha 20 anos, na maior parte do relacionamento, Jake tinha 29. Na versão original de "All Too Well", Taylor não falava sobre isso, mas ela desabafa tudo na faixa estendida, confirmando ainda mais para quem é a música.

Em um verso ela canta: "Você disse que se nossas idades fossem mais próximas, talvez tudo ficasse bem e isso me fez querer morrer". Depois ela ainda completa: "Eu vou ficar mais velha, mas suas amantes vão permanecer com a minha idade". Taylor fala tudo na cara!

Taylor Swift de Hannah Swiftie

3. Menção aos 21 anos

Uma das maiores brigas do casal, segundo os veículos, foi quando Jake não compareceu à festa de aniversário de 21 anos de Taylor. Isso supostamente virou até tema de outra música, "The Moment I Knew", em que Taylor narra com detalhes a noite. Porém, "All Too Well (10 Minute Version)" conta mais sobre o caso.

"Ele [o pai de Taylor] me vê na frente da porta, durante toda a noite, esperando você chegar. E ele diz 'fazer 21 anos deveria ser divertido'". E essa não é a única menção à fatídica noite entre Taylor e Jake.

4. Choro na festa de aniversário

Como vários jornais falaram na época e também é contado em "The Moment I Knew", Taylor ficou tão chateada com a ausência de Jake que, em determinado momento da noite, correu para o banheiro onde ficou chorando por muito tempo.

"A ideia que você tinha de mim, quem é ela? Uma joia adorável, nunca necessitada, cujo brilho reflete em você. Não alguém chorando no banheiro de uma festa. Uma atriz me perguntou o que aconteceu. Você. Foi isso que aconteceu, você", ela canta em determinado trecho. É tapa atrás de tapa.

tswiftgif de like home somehow

5. Referência ao programa de "late night show"

Ainda no mesmo verso sobre a festa de aniversário, ela fala que Jake tinha mania de ficar dando goles no café, como se estivesse em um programa que passa de noite, chamados de "late night show". Vale lembrar que a primeira vez que Jake e Taylor foram vistos pelo público, antes dos fãs saberem que eles estavam namorando, foi em um programa do tipo, o "Saturday Night Live". Seria essa mais uma indireta da cantora?

6. Taylor cita "Brooklyn"

Já mais para o final de "All Too Well (10 Minute Version)", Taylor fala sobre Brooklyn, local em Nova York. Durante o namoro, o casal passou bastante tempo por lá e, inclusive, foi celebrar a Ação de Graças em Brooklyn, com a família Gyllenhaal. O dia rendeu fotos de paparazzi dos dois que são replicadas pelos fãs até hoje. E, como a gente bem sabe, nenhuma palavra da loirinha vem sem alguma intenção.

7. Chegada do inverno

Como falamos, o namoro coincidiu com grande parte do outono nos Estados Unidos, o que já era mencionado desde a versão original de "All Too Well". Porém, o término foi por volta de final de dezembro e começo de janeiro, quando já era inverno no país norte-americano.

Esperta como sempre, Taylor cita a estação, que trouxe também o fim do relacionamento. "Porque no frio estéril desta cidade, eu ainda me lembro da primeira neve que caiu", Swift canta. Poética e direta, do jeito que o fandom gosta.

Taylor Swift
Meredith, Olivia e Benjamin: qual gato da Taylor Swift você seria? Faça o quiz!
10 artistas que mais venderam álbuns em 2021: Taylor Swift, Drake e mais!
Adele ou Taylor Swift? Vote no álbum que mais te fez chorar
Saiba como Jake Gyllenhaal reagiu à exposição de Taylor Swift em "All Too Well"
ver todas as notícias de Taylor Swift Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema