Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

A campeã do "BBB19", Paula, foi proibida pela irmã de dar qualquer entrevista. A ex-sister saiu do reality com R$ 1,5 milhão e já prestou depoimento no inquérito sobre intolerância religiosa. A irmã da mineira, que é formada em Direito, está cuidando de todos os passos da ex-confinada a partir de agora. Saiba mais!

Assim que saiu do "BBB19", Paula precisou prestar depoimento no inquérito sobre intolerância religiosa por conta dos comentários preconceituosos que fez dentro do reality. Agora, a campeã da edição foi proibida pela própria família de dar entrevistas. Para não causar mais polêmicas, a ex-sister foi orientada pela irmã a recusar qualquer contato com a imprensa.

Irmã está cuidando de todos os passos de Paula

A irmã de Paula, Mônica, que é formada em Direito, tomou a frente da situação e está cuidando de todos os passos da milionária a partir de agora. Paula já está em casa, em Belo Horizonte (Minas Gerais) e foi recebida com festa pela vizinhança.

Campeã do "BBB19" presta depoimento

Na última segunda-feira (15), Paula Von Sperling prestou depoimento na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância Religiosa (Decradi). A ex-confinada é acusada de intolerância religiosa e racismo contra o ex-participante Rodrigo, que junto a Gabi, prometeu tomar providências aqui fora.

Foram vários os discursos nada empáticos de Paula dentro do "BBB19" e os vídeos estão aqui para provar:

Big Brother Brasil
Paula, vencedora do "BBB19", ainda se achou no direito de reclamar após denúncias
Provando que é a melhor campeã do "BBB", Gleici irá estrelar filme independente com temática LGBT
Grupo da Gaiola faz viagem para Arraial do Cabo e estamos empolgados com essa animação na van
E o Kaysar, quem diria, chegou aonde todos os ex-BBBs gostariam de chegar
ver todas as notícias de Big Brother Brasil Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema