Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Toda série tem uma questão mal resolvida que é motivo de discussão entre os fãs. No caso de "Friends", ainda tem uma galera ainda questiona se Rachel (Jennifer Aniston) e Ross (David Schwimmer) estavam dando um tempo ou não, quando brigaram na terceira temporada da série. Bom, o próprio ator resolveu dar sua opinião em recente entrevista.

"Friends" chegou ao fim tem 16 anos e existe uma questão na série que ainda faz muito fã perder o sono. Afinal, Rachel (Jennifer Aniston) e Ross (David Schwimmer) estavam dando um tempo ou não? Foi essa discussão que motivou a separação do casal na terceira temporada. Mesmo sabendo que tudo se resolve ao longo da série, essa ainda é uma pergunta que continua sem resposta. Durante sua participação no "The Tonight Show", do Jimmy Fallon, David Schwimmer deu a sua sincera opinião sobre o caso.

Quando o assunto surgiu no meio da entrevista, David comentou que fica surpreso com o quanto essa história rende. "As pessoas são tão apaixonadamente divididas se eles estavam ou não dando um tempo", disse. Jimmy aproveitou a deixa para perguntar qual era opinião do ator sobre a discussão. "Isso não é nem uma dúvida, eles estavam dando um tempo", declarou. Polêmica essa resposta do David, né? Vai ter muito fã discordando desse comentário. Mas, de qualquer forma, importante lembrar que estamos apenas falando de uma série de TV.

Quando vai acontecer a reunião de "Friends"?

É óbvio que a tão aguardada reunião de "Friends" também seria assunto, né? Afinal, há anos que os fãs esperam por qualquer tipo de especial comemorativo sobre a série. O projeto já havia sido confirmado para esse ano, porém, por conta da pandemia do coronavírus, os planos foram adiados mais uma vez. No entanto, de acordo com David Schwimmer, ainda deve rolar esse ano.

"Está previsto para acontecer em agosto, talvez no meio de agosto. Mas, honestamente, nós ainda vamos esperar e ver mais uma semana ou duas, se nós todos decidirmos que é realmente seguro o suficiente para fazermos isso. Caso contrário, então nós vamos esperar até que seja seguro", contou.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema