Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Vamos falar a verdade: adaptações nem sempre levam tudo que existe nos livros para as telonas - ou telinhas - e tudo bem isso acontecer, porque senão as produções teriam horas de duração. Mas, em "Para Todos os Garotos: P.S. Ainda Amo Você", isso foi muito além, já que os principais eventos e revelações da obra de Jenny Han infelizmente não ganharam seu espaço no filme da Netflix. E nós mostramos quais são eles pra vocês aqui.

A gente vai polemizar agora e, se vocês não gostarem, tudo bem, as pessoas tem opiniões diferentes. Mas "Para Todos os Garotos: P.S. Ainda Amo Você", a grande estreia da Netflix deste mês de fevereiro, foi totalmente decepcionante pra quem leu os livros de Jenny Han e nós podemos provar mostrando as diferenças das obras para o filme. Claro, sempre é bom ver a incrível Lana Condor na pele de Lara Jean e o carisma de Noah Centineo como o perfeitinho Peter Kavinsky, mas a química inegável deles não foi suficiente para fazer essa sequência melhor que o maravilhoso "Para Todos os Garotos Que Já Amei", lançado em 2018, e que encantou todo mundo. Confira agora as sete principais divergências do livro pra adaptação e veja se você concorda com o que falamos!

Lara Jean e o efeito da família coreana em sua vida

No livro, depois daquela reunião de família que vemos no filme, a Lara Jean começa a se reconectar com as suas raízes, tradições e sente a necessidade de se aproximar do seu lado coreano. Isso acaba dando mais personalidade ainda pra ela e se torna um ponto de partida pro terceiro livro, que é quando a protagonista começa a se questionar do que ela quer fazer da vida, qual profissão quer seguir, pra onde ela quer ir... e no filme essa parte toda foi deixada de lado praticamente.

John Ambrose e Lara Jean se correspondem

Ao contrário do filme, os dois escrevem cartas um pro outro e conversam bastante, sem o conhecimento do Peter, porque a Lara Jean não acha que isso é um problema. Mas é assim que ela começa a sentir coisas mais fortes por ele.

John Ambrose é neto de Stormy

No livro, o reencontro oficial de Lara Jean e John realmente acontece no asilo Belleview, mas ele não está trabalhando lá, o menino é neto da Stormy, que arma uma visita pra apresentá-lo pra mocinha, sem saber que os dois já se conheciam e até tinham um histórico. A história do parentesco poderia ter sido facilmente resolvida no filme e daria uma representatividade ainda maior: ele poderia ter sido adotado pela filha (ou filho) de Stormy ou então a filha (ou filho) dela poderia ter se casado com alguém negro e pronto, por isso o menino tem a etnia diferente da avó.

"Pique pega" dos amigos de infância e o afastamento de Peter e Lara Jean

É na brincadeira que a Lara Jean descobre que o Peter tá andando muito com a Genevieve e se alia ao John para tentar ganhar e provar que ela mudou da pessoa que era quando pequena - uma tentativa de "superar" sua rival, já que ela se sente insegura no relacionamento com o jogador de lacrosse justamente por causa da ex dele. Durante o jogo, ela também fica sabendo qual é o verdadeiro problema de Gen: o pai da garota está traindo a mãe com uma menina bem mais jovem, quase da idade da própria filha.

Chris tem um papel muito maior

Vocês, que leram o livro e conhecem a Chris, realmente acham que a história dela se resumiria apenas a um boy? A melhor amiga de Lara Jean só se torna mais única e diferentona no segundo livro e dá conselhos super legais pra protagonista sobre o seu relacionamento e o que fazer após a escola, ao contrário do filme, onde ela só está ali pra fazer um merchan do Subway e uma fofoca fora de contexto (sendo que ela é da família da Genevieve, então deveria saber pelo que ela tava passando e, por isso, precisou do ombro amigo do Peter), que é responsável pelo término dos protagonistas.

Lara Jean não apoia a relação do seu pai com a vizinha

Sim, em oposição ao que é mostrado no filme, Lara não é receptiva com a ideia de seu pai se relacionando com outra mulher, mesmo que a morte da sua mãe não seja mais tão recente. Inclusive, Kitty é a única das irmãs Covey que apoia a ideia do namoro e realmente tenta fazer aquilo dar certo. Margot, mesmo à distância, conversa muito com Lara Jean sobre isso e - a princípio - as duas se opõem mesmo a esse novo amor.

Lara Jean e Peter não reatam imediatamente após o baile

Na verdade, a conversa na casa da árvore que, no filme, é com Genevieve, no livro rola entre Lara Jean e Peter. Nela, a mocinha vence o jogo de "Pique Pega" que rola lá no início da trama ao pegar o protagonista, que é o último que falta. E o vencedor tem direito a um desejo que os outros jogadores precisam realizar. Ela, durante esse papo com o ex, diz que o seu é que as coisas voltem a ser como eram antes entre os dois. Então, eles conversam, são sinceros sobre tudo que aconteceu com a Gen e o John, colocam tudo em pratos limpos e reatam o namoro com várias declarações lindas de amor um pro outro.

Para Todos os Garotos que já Amei
Estas fotos dos bastidores de "Para Todos os Garotos: P.S. Ainda Amo Você" vão alegrar o seu dia
Qual mistura de personagens de "Para Todos os Garotos Que Já Amei" e "A Barraca do Beijo" você é?
As 7 maiores diferenças do filme "Para Todos os Garotos: P.S. Ainda Amo Você" para o livro
A internet está vibrando com o lançamento de "P.S. Ainda Amo Você" e estas são as melhores reações
ver todas as notícias de Para Todos os Garotos que já Amei Ver + matérias
Famosos
do momento
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema