Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Como já era esperado, o Oscar 2021 sofrerá algumas mudanças devido à pandemia do coronavírus. Na última terça (28), membros da Academia se reuniram através do Zoom para acertar outro formato de premiação já que muitos filmes não foram lançados ou produzidos e as salas de cinema permanecem fechadas. Conheça as novas regras.

Vários lançamentos previstos para este ano foram adiados devido à pandemia do coronavírus, bem como muitas produções precisaram ser interrompidas. É claro que isso impactou diretamente o Oscar 2021. Membros da Academia se reuniram online nesta terça (28) para acertar algumas mudanças.

Filmes lançados em streaming poderão concorrer ao Oscar

Com as salas de cinemas fechadas no mundo todo, não é mais necessário que o filme seja exibido por pelo menos uma semana em Los Angeles para concorrer às categorias principais. Assim, produções lançadas diretamente em serviços de streaming serão consideradas. "Até segunda ordem, e apenas para a 93ª edição do Oscar, filmes que tinham lançamento em cinemas anteriormente planejado e que agora estão disponíveis em transmissões comerciais ou em plataformas sob demanda podem se qualificar para Melhor Filme, categorias gerais e categorias de especialidades", comunicou a Academia.

Oscar 2021 terá menos categorias

As categorias de Melhor Edição de Som e Melhor Mixagem de Som agora serão uma só, reconhecendo editores e mixers. Dessa forma, o Oscar 21 terá 23 categorias ao invés de 24. Além disso, todos os membros da Academia poderão votar nas preliminares da categoria Filme Internacional.

Data ainda pode mudar

A 93ª cerimônia do Oscar segue prevista para acontecer no dia 28 de fevereiro de 2021. No entanto, foi divulgado em comunicado que essa data poderá sofrer alterações por conta do coronavírus, assim como o formato do evento com plateia.

Fique ligado no Purebreak que qualquer novidade sobre a maior premiação de cinema a gente te conta!

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema