Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Não é de hoje que o Felipe Neto se posiciona sobre o atual cenário político. Com o avanço da pandemia do coronavírus, o influenciador tem usado as redes sociais para bater na tecla do isolamento social e cobrar posicionamento de outros influenciadores sobre o governo. Isso, inclusive, foi levado para o seu debate no "Roda Viva" nesta segunda (18). Confira a seguir 5 vezes em que Felipe Neto foi sensato ao falar sobre política no programa da TV Cultura.

De uns tempos para cá, o Felipe Neto vem se destacando nas redes sociais ao expor opiniões e assumir posicionamentos sensatos. Com o surto de coronavírus e a necessidade de isolamento social, não seria diferente. O influenciador, inclusive, postou um vídeo cobrando posicionamento de outros influenciadores sobre a postura do atual governo em relação ao tratamento da pandemia no país. Na noite desta segunda (18), a galera pôde ver mais deste lado de Felipe Neto no programa "Roda Viva", da TV Cultura. Se você não assistiu ou gostaria de relembrar, o Purebreak separou 5 vezes que o irmão de Lucas Neto foi sensato ao falar sobre política.

1. "A gente não pode validar esse tipo de lado"

Uma das coisas que mais chamou atenção no vídeo publicado por Felipe Neto nas redes sociais foi a associação direta dos que não se posicionam sobre o atual governo ao fascismo. Durante o programa, ele explicou o que o leva a pensar dessa forma. "A gente não pode olhar simplesmente tudo o que está acontecendo, toda a violência, toda a opressão, toda a tentativa de silenciar a imprensa, de calar a democracia, de tomar o poder para si. A gente não pode olhar para isso e ser tolerante. É um lado. A gente não pode validar esse tipo de lado". Veja!

2. "Se não existir tolerância contra os intolerantes eles dominam"

Ao ser questionado sobre suas divergências com figuras políticas, Felipe Neto expôs o "paradoxo da tolerância". Para ele, determinadas posturas e atitudes não devem, de maneira alguma, ser relevadas.

3. "O governo atual vive do caos"

Não é de hoje que Felipe Neto critica o governo e o atual cenário político brasileiro. Durante a participação no programa, o youtuber resumiu o que pensa sobre o mandato de Jair Bolsonaro pautado, segundo ele, no caos. "Ele vive da promoção do caos, do desespero, do medo", disse.

4. "Se eu tenho privilégio que esse privilégio seja utilizado para ajudar pessoas que não têm"

O reconhecimento de privilégios quando se é uma pessoa privilegiada é fundamental. De quebra, o influenciador relembrou o motivo que o levou a se posicionar a respeito da HQ contendo um beijo gay na Bienal do Livro de 2019. "E se eu como homem branco rico não faço absolutamente nada significa que eu sou realmente conivente com a censura", completou.

5. "A meritocracia é uma grande ilusão liberal"

Felipe Neto usou o próprio exemplo para explicar por que a meritocracia não funciona no Brasil. Como a jornalista mencionou, o influenciador seria um "case de sucesso" por vir de um lugar humilde. "A meritocracia é uma grande ilusão liberal criada por pessoas que querem vender sonhos", disse. "O fato de eu ter vindo de um lugar pobre e ter me tornado a exceção da regra não faz de mim uma prova da meritocracia porque todas as pessoas que lá ficaram são a prova de que a meritocracia não existe". Dá só uma olhada!

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema