Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Depois de muita espera, finalmente pudemos conferir a belezinha que é a mais nova produção da Marvel, cheia de referências aos anos 90, trilha sonora impecável, personagens incríveis e muito mais. A galera do Purebreak já está apaixonada e vai te mostrar qual é a importância do filme no cenário atual. Pode vir, poder feminino!

Se você achou que "Capitã Marvel" iria chegar dominando o tudo, acertou em cheio! Depois da estreia, todo mundo confirmou aquilo que alguns já sabiam: o filme veio para abrir espaço para personagens e uma abordagem mais feminina. Carol Danvers (Brie Larson) se mostrou uma protagonista à altura de muita expectativa e digna de se tornar favorita de muita gente.

Mesmo antes de sua estreia, o filme já causava polêmica, não só por escolher uma mulher como protagonista, mas também por pretender transformá-la na mais poderosa personagem do Universo Cinematográfico Marvel. Depois que a atriz fez algumas declarações dizendo que sua atuação no filme era uma forma de ativismo feminista e que não estava nem aí para a opinião de homens brancos de meia idade sobre as produções estreladas por mulheres, uma galera - BEM sem noção - resolveu fazer um protesto.

Imagem relacionada

O tal protesto, que estava mais para uma campanha machista, consistiu em uma série de ataques em sites de avaliações de filmes, como o Rotten Tomatoes, nos quais uma galera fez o longa da heroína ser avaliado com notas ruins bem antes mesmo de sua estreia por causa dos comentários de Brie Larson. "Ela deixou claro: homens não devem assistir a esse filme" foi apenas uma das avaliações preconceituosas. É claro que depois dessa os fãs ficaram preocupados com um possível fracasso. Mal sabiam eles o que estava por vir...

Pisa menos Carol Danvers

Eis que chega o dia da estreia do filme e, diferente do esperado por essa galera de mente fechada, "Capitã Marvel" LACROU e LUCROU muito! Só pra começar a brincadeira, a produção já chegou quebrando um recorde histórico e se tornou o primeiro filme protagonizado por uma mulher a faturar mais de US$ 455 milhões em quatro dias. Parabéns Marvel, já queremos mais produções bem feministas e cheias de atrizes incríveis! Pode vir "Viúva Negra"!

Resultado de imagem para captain marvel gif

Isso significa que que "Capitã Marvel" possui nada mais, nada menos, que a maior bilheteria de um longa protagonizado por uma mulher, superando "Mulher-Maravilha", outra produção incrível e bem girl power. Ele também entrou pra história por causa de sua trilha sonora, que é composta inteiramente por uma mulher: Pinar Toprak é o nome para ser enaltecido, ao lado de Brie Larson, Anna Bolden, Lashana Lynch, Annette Bening, Gemma Chan e todas as mulheres envolvidas nesse hino de filme.

Marvel
"Deadpool 3" é confirmado, se passará no MCU e pode ser baseado numa HQ super sangrenta
Pode comemorar, Tom Holland! Homem-Aranha volta ao MCU após acordo entre Sony e Marvel
13 personagens LGBTQ+ dos quadrinhos que você vai amar conhecer
Robert Downey Jr. pode voltar a fazer o Homem de Ferro no UCM e a gente te explica como
ver todas as notícias de Marvel Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema