Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

A loira do Distrito Federal começou apagada, passou para uma das favoritas e depois decaiu junto com os "Bastiões" - apelido da dupla Caio e Rodolffo. Se a Sarah não tivesse mudado tanto seu jogo, talvez ainda estivéssemos torcendo por ela. Veja a trajetória que fez com que a sister perdesse todas as chances de ganhar o prêmio milionário e ainda deixou uma imagem bem feia dela aqui fora.

Falar que o "Big Brother Brasil" toma rumos diferentes a cada semana não é novidade nenhuma. Um participante amado pode virar o mais quitado para sair da casa de um dia para o outro. Com a Sarah, do "BBB21", foi mais ou menos assim. A sister ganhou não só o afeto do público como também sua admiração. O jogo dela parecia ser perfeito e muito estratégico. Quem não lembra quando ainda a chamávamos de espiã do "BBB21"?

Apesar de já ter estudado o programa até na faculdade, como revelou sua mãe, Sarah parece ter se esquecido de algumas opiniões já muito explícitas do público que acompanha o reality. Desde falas transfóbicas até comentários de deboche sobre a pandemia, vários posicionamentos da consultora de Marketing Digital foram a afastando do pódio. Pensando nisso, listamos quais episódios foram esses para relembrar como um jogo não deve ser feito no "Big Brother Brasil".

1. Chorar por ser branca

Tudo bem que na época ninguém ligou muito, já que estávamos no auge do G3 e muitas atitudes da Lumena realmente eram inadequadas para as pautas do movimento negro. Mas, olhando para o caso hoje em dia, a gente consegue reconhecer o quão problemático foi esse choro de Sarah. O discurso da sister, por mais que não citasse o termo, endossava a ideia de "racismo reverso". Se você ainda acredita nessa lenda, veja os motivos para mudar de ideia urgentemente! Confira a conversa com Gil:

2. Os "marginais" da escola que a protegiam

E mais uma vez a sister não soube interpretar um lugar de privilégio que tem e reforçou ideias super erradas. Sarah contou que, durante o período de escola, começou a frequentar uma instituição pública em que as meninas a viam como uma "patricinha", o que gerou uma situação que classificou como bullying. Para se proteger, ela começou a andar com os meninos, que Sarah descreveu como "marginais". Esse tipo de história é daquelas que a gente não sabe nem por onde começar a problematizar!

3. Gordofobia

Ainda falando sobre o período escolar, Sarah comentou no programa que suas colegas que eram magras na época hoje em dia estavam gordas, como se isso fosse um problema. Pelo tom da conversa, dá para ver que a intenção era fazer um deboche com o aumento de peso. Ser gordo não é defeito, viu? A gente ainda precisa avisar sobre isso?

4. Duvidou do beijo de Lucas e foi transfóbica

Em um papo com Projota e Juliette, a consultora explicou que, depois de Lucas ter saído, ela passou a repensar sobre o beijo entre ele e Gil. Segundo a sister, a ficada poderia ter sido por interesse de jogo, levando em consideração o período em que rolou. Esse tipo de fala, que também foi reproduzida por Juliette semanas depois, é considerada bifóbica e sempre causa muita confusão, já que ninguém fica duvidando dos relacionamentos heterossexuais na casa.

Carla Diaz e Arthur ficam abraçados na cama e especulam sobre Prova do  Líder do BBB21 desta noite | casa BBB | Gshow

No papo, a sister explicou sua visão: "É a mesma coisa dele ter dado em cima de alguém aqui pra poder fod**r com outra pessoa, porque tipo assim: 'essa pessoa aqui pode ser que tenha uma boa torcida lá fora, vou me envolver com ela pra a outra pessoa que for num paredão comigo, sair'".

Sarah tentou amenizar o discurso falando sobre sua afeição com o público LGBTQIA+, mas só piorou a situação: "Se tem uma coisa que eu não tenho é preconceito com isso. Amo, adoro, acho que eu era um travesti na vida passada porque eu gosto dessas coisas, adoro essa putar***". A associação foi bem infeliz, já que essas mulheres são constantemente sexualizadas e, muitas vezes, precisam se prostituir para sobreviver.

5. Deixar de seguir o presidente para não ser cancelada

Durante uma conversa com os outros participantes, Sarah confessou que havia deixado de seguir o presidente Bolsonaro nas redes sociais, antes de entrar no "BBB", com medo de ser cancelada. Acompanhando a forma desleixada que o governante lida com a crise sanitária, muitas pessoas já começaram a observar melhor a sister e seus posicionamentos. Segundo Sarah, ela seguia o presidente porque gostava do que ele postava. Na época ninguém bateu o martelo para decisão alguma. Mas até parece que o assunto não voltaria, né?

6. O apoio declarado ao presidente Bolsonaro

E a confirmação veio! Os participantes estavam discutindo sobre quais acontecimentos poderiam estar rolando aqui fora. Camilla de Lucas citou o impeachment do presidente e Sarah disparou: "Não do nosso, eu gosto dele". Foi aí que o funeral da sister no "BBB21" começou a ser preparado.

7. Furando a quarentena para ir em festa

Sabe quando você bebe muito e começa a falar o que não deveria? Foi assim que Sarah revelou ao brother Arthur que, antes de entrar no "BBB", estava indo em festas e furando a quarentena como ninguém. Ela ainda debochou dizendo que quando ligaram e a perguntaram sobre a pandemia e sua importância, a sister respondeu: "Uai, eu não estou sentindo nada". Vendo a situação extremamente triste do país e o número de casos e mortes, não teve como passar pano mesmo, né?!

8. Conspiração contra Juliette

Após algumas estremecidas na relação do G3, Sarah continuou alfinetando Juliette para Gilberto, que deixou se levar pela opinião da loira e se afastou da paraibana. Em uma formação de paredão dramática, no qual Gil indicou Rodolffo e aconteceu um empate entre Juliette e Caio, a maquiadora foi sorteada no Dedo Duro e perguntou de primeira em quem Sarah votou, obtendo a resposta que temia: nela. Como se esse primeiro movimento não bastasse, a brasiliense usa todos os seus momentos na casa mais vigiada do Brasil pra falar mal da ex-amiga pra quem quer que for, seja sobre seu s momentos falando do Nordeste ou da forma como se comporta em discussões.

9. Quando ela falou que queria colocar trança porque agora era famosa

Lembra quando a Camilla de Lucas resolveu trocar de visual e tirar suas tranças? Pois enquanto ela fazia isso com a ajuda de João, Sarah veio ter uma conversa descontraída, falando que agora que ela era famosa poderia fazer, já que antes não dava, porque imagina "trabalhando numa multinacional e chegando com o cabelo branco de trança"? Se ela achava errado fazer isso antes, por ser uma apropriação cultural, porque agora que é famosa teria permissão para fazer?

10. Debochando da pandemia mais uma vez

Dentre várias conversas polêmicas sobre seu comportamento na pandemia, de ir em festas e menosprezar quem se cuida usando máscara e as vítimas da Covid-19, ela mais uma vez falou besteira sobre o momento que vivemos ao criticar os protocolos de segurança de eventos que exigem testes para ver quem está doente, distanciamento entre mesas e pouca quantidade de pessoas, ao afirmar que é uma "frescura da p*rra".

Qual momento da Sarah no "BBB21" te deixou mais desconfortável? Ele apareceu por aqui?

Big Brother Brasil
Faça esse teste e te diremos se você foi selecionado pro "BBB22"
Você daria um rolê com Juliette ou Gil do Vigor? Responda este quiz e descubra
Tente adivinhar qual é a edição do "BBB" pelos quartos da casa
Como estão os participantes do "BBB1" após 19 anos da estreia do reality show?
ver todas as notícias de Big Brother Brasil Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema