Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

Mês do Orgulho LGBT: veja 11 coisas incríveis que aconteceram em junho
Mês do Orgulho LGBT: veja 11 coisas incríveis que aconteceram em junho
Junho é considerado o mês do Orgulho LGBT e durante este período milhares de ações são criadas para fazer com que esse grupo se sinta mais confortável em ser quem realmente é. No entanto, durante esse período também aconteceram muitas coisa e que nos deram ainda mais movitos para celebrar. Não tá acreditando? Então se liga nessa lista que o Purebreak fez.

Em 28 de junho é comemorado o Dia do Orgulho LGBT e nós do Purebreak não poderíamos estar mais contentes. Apesar do Brasil ainda ser o país que mais mata homossexuais e transsexuais no mundo, e o atual presidente ser campeão em dar declarações problemáticas sobre o assunto, há muito do que se orgulhar. Pensando nisso, nós do Purebreak listamos 11 acontecimentos - importantes e divertidos - que marcaram o mês e deram mais motivos para a comunidade LGBT se sentir bem consigo mesma.

Pabllo Vittar na ONU

No dia 19 de junho, Pabllo Vittar foi convidada para se apresentar na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), no evento The Queen's Birthday Party, que tinha "igualdade e inclusão" como tema. Isso que é arraso, né? LGBT brasileiro sendo chamado pra cantar no aniversário da Rainha Elizabeth II? Como não se orgulhar com essa representação?

Criminalização da Homofobia

Depois muita discussão, o Supremo Tribunal Federal (STF) determinou no dia 13 de junho que a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero agora é crime. Muitos LGBTs comemoram essa conquista e realmente é um grande efeito. Mesmo assim, é preciso ficar atento para observar a forma como essa lei funcionará na prática. Afinal, ainda é preciso conscientizar as pessoas e não apenas deixá-las com medo de serem presas.

Feat entre Madonna e Anitta

A gente sabe que Anitta já vacilou algumas vezes com a comunidade LGBT, mas é impossível não ficar feliz com essa conquista, né? Afinal, não é qualquer um que sai de Hornório Gurgel e consegue gravar com a Madonna. Além disso, "Faz Gostoso" é um funk muito divertido e deixa a gente com vontade de dançar. Ou seja, missão cumprida.

Cenário Pop nacional

Falando em música, o pop nacional nunca esteve tão em alta, né? Só neste mês tivemos duas grandes colaborações: Pabllo Vittar e Luisa Sonza em "Garupa", e Gloria Groove e Iza em "YoYo". Sério, ninguém mais tem motivo para não dançar na balada. Além disso, precisamos destacar a linda parceria entre Emicida, Majur e Pabllo Vittar em "AmarElo".

Parada do Orgulho LGBT em São Paulo

A Parada do Orgulho LGBT de São Paulo é considerada a maior do mundo e isso não é mais novidade. Nesta 23ª edição, que aconteceu no dia 23 de junho, 3 milhões de pessoas se reuniram para celebrar a igualdade e o amor. Apesar de não ser uma surpresa, é importante ressaltar que estamos vivendo um momento complicado no Brasil com o Jair Bolsonaro e momentos como o da Parada precisam ser celebrados.

Taylor Swift e Katy Perry amigas

O mundo pop está em paz outra vez! Quem diria queKaty Perry e Taylor Swift voltariam a se falar, né? Mais que isso, rolou quase um featuring. Ok, talvez o Purebreak esteja um pouco emocionado. Mas precisamos concordar que o encontro das duas no clipe de "You Need To Calm Down" foi um marco.

Ludmilla e Cara Delevingne assumiram seus relacionamentos

E o que falar das novas integrantes do vale? Ludmilla assumiu o namoro com a dançarina Brunna Gonçalves e Cara Delevingne, apesar de não precisar revelar nada, finalmente falou publicamente sobre o seu relacionamento com a atriz Ashley Benson. Impossível não ficar contente quando LGBTs finalmente conseguem se assumir e assumir seus relacionamento. Como não se emocionar com esse tanto de amor?

Netflix criou o Prism

Quando o assunto é representatividade, pode chamar a Netflix! Através das suas séries e filmes, a empresa consegue retratar a realidade de LGBTs com bastante sensibilidade. E no mês do orgulho, ela criou a campanha "Prism: A Spectrum of LGBTQ+ Stories", com o objetivo de trazer ainda mais visibilidade para a comunidade. A ação também contou com o próprio casting da gigante de streaming.

Cardeal próximo ao Papa diz que ser gay não é pecado

Religião é um assunto bastante delicado para LGBTs e muitos sofrem por não se sentirem mais acolhidos quando se assumem. No entanto, em entrevista ao jornal italiano La República, o cardeal Angelo Becciu, que é bem próximo do Papa Francisco, deu uma declaração que pode confortar quem é religioso: "ser gay não é um pecado. Porém muito mais que uma aprovação do mundo gay, se trata de respeito. É possível ser gay e viver como um bom sacerdote. O importante é respeitar o voto de castidade, porque essa é a verdadeira escolha."

HBO Brasil anuncia série LGBT: "Todxs"

No dia 17 de junho começaram as gravações de "Todxs", nova série da HBO Brasil. Sim, tem produção nacional chegando por aí. A trama contará a história de uma jovem não-binária que decide deixar o interior para se aventurar na cidade grande. Além de levantar questões sobre o universo LGBT, a produção também irá falar sobre racismo e assédio. Ou seja, tem tudo para ser bastante representativa.

A nova versão de "As Panteras"

Estrelado por Kristen Stewart, Naomi Scott e Ella Balinska, a nova versão de "As Panteras" ficou bem hypada logo que foi anunciada. No entanto, com a confirmação da parceria entre Ariana Grande, Miley Cyrus e Lana Del Rey para música tema do filme, foi impossível não ficar mais ansioso. Essa farofa cinematográfica vai ser tudo.

Principais
notícias
sobre
o mesmo tema