Segue a gente no Insta

@purebreakbrasil

10 Fotos
Iniciar o slideshow
Minutos depois de lançar o novo clipe "Pour It Up", Rihanna teve o vídeo proibido para menores de 18 anos no Youtube... assim como a cantora, outros artistas tiveram o mesmo destino! Madonna é a ganhadora de ser mais censurada... agora, imagina o funk!

Cenas de nudez, muitos palavrões, sensualidade demais, violência... esses são os ingredientes perfeitos para ter um vídeo banido na TV ou na web! Se você achava que em pelo século XXI esse tipo de censura não acontecia mais, está muito enganado! Nem bem lançou "Pour It Up" , na última quarta-feira (dia 02), e minutos depois, Rihanna teve o vídeo proibido para menores de 18 anos no Youtube!

Não é só no mundo virtual que isso acontece. Na TV, essa prática já foi bastante usada. Madonna, que o diga! A Rainha do Pop teve o primeiro clipe proibido da história da MTV, o polêmico "Justify My Love". Volta e meia, ela tem seus vídeos banidos tanto no YouTube como na televisão. A cantora também ganhou o título de Rainha Censurada e não foi à toa: no total seis músicas foram vetadas, entre elas: "Like a Prayer", "What It Feels Like For a Girl" e "Girl Gone Wild".

No Brasil, imagina se a moda pega

Com esses vídeos todos sendo banidos fica a dúvida: se os clipes de funk não são gravados exatamente para evitar essa situação toda. Imagina se aquele monte de "proibidão" poderia passar na TV?!

Tem gente dizendo que "Show das Poderosas" da Anitta e "Toma Toma" do Fiuk com Sapão seriam os primeiros candidatos a saírem do ar! Será?

Com a palavra: os fãs

Tanto o Youtube como diversos canais de música da TV americana costumam bater o martelo e vetar clipes que eles consideram prejudiciais aos jovens. Nos últimos anos, isso ficou mais frequente porque os cantores querem ousar e chamar a atenção sem se importar com a censura.

A comunicóloga Camila Cunha conta que fica dividida com o assunto: "Acho que os vídeos não deveriam ser banidos. Mas ao mesmo tempo não concordo com a safadeza que rola neles, entende? Pode até rolar, mas acho que tudo tem o seu limite!"

Além da realeza do Pop, outros cantores também já foram "barrados no baile"! Confira abaixo algumas vítimas:

Rihanna - "Pour It Up"

No vídeo, Riri aparece fazendo o twerk (dança pra lá de sensual) e rodeada de stripper e dançarina de pole dance. Outro trabalho de Rihanna já foi banido... "S&M" não pode passar em 11 países devido o tema de sadomasoquismo.

Madonna - "Girl Gone Wild"

O clipe de Madonna foi banido porque aparentemente o YouTube não conseguiu lidar com toda a sensualidade da Rainha do Pop sendo rodeada por homens sem camisa.

Justin Timberlake - "Tunnel Vision"

Justin revelou um vídeo cheio de mulheres nuas mostrando o seio e o bumbum... parece que o YouTube não achou que era uma boa ideia para as crianças.

Kanye West - "All of the Lights"

Já Kanye foi vetado por um único motivo: o clipe muito psicodélico pode causar ataques de epilepsia em quem já tem a doença e também pode dar dor de cabeça com a explosão de cores.

Nicki Minaji - "Stupid Hoe"

O clipe da rapper foi vetado por seus palavrões. Ao todo a palavra "hoe", ou "whore" (v*dia), foi repetida 52 vezes, e "fuck" (f*der) foi dita 10 vezes.

M.I.A - "Born Free"

A cantora M.I.A polemizou ao publicar um vídeo com o tema de genocídio. Muitos consideram o clipe violento.

Lady Gaga - "Alejandro"

O vídeo de Lady Gaga foi semi-banido, ou seja, só passou de madrugada na MTV americana. O clipe acabou comprando briga com a Igreja Católica que se sentiu ofendida com os simbolismos que Gaga colocou nele.

Eminem - "Just Lose It"

Eminem tocou na ferida do Rei do Pop Michael Jackson ao mencionar os casos de pedofilia do cantor, a cirurgia de nariz que o astro fez e um episódio onde o cabelo de Michael pegou fogo.

Luen - "Coisas de Menina"

A cantora brasileira teve o vídeo banido seis vezes no YouTube, mas mesmo assim o clipe volta pro ar sempre! Doido, né! O clipe mostra meninas se pegando num banheiro de restaurante.

Maroon 5 - "This Love"

A MTV americana editou as palavras "coming" e "sinking" que tem conotação sexual.

 

 

Rihanna
Vocês estão ligados que a Rihanna registrou 8 músicas novas na Sociedade Americana de Compositores?
Rihanna e seu novo álbum: cantora publica fotos em estúdio e fãs comemoram
Rihanna recebeu 500 músicas inéditas para seu novo álbum, diz revista
MET Gala 2018: Rihanna, Ariana Grande e os 15 looks mais inesquecíveis do tapete vermelho!
ver todas as notícias de Rihanna Ver + matérias
Principais
notícias
sobre
o mesmo tema